• Arquivo

Que tal uma sequência de “Borat” feita por um diretor cazaque?

Erkin Rakishev, um cineasta do Cazaquistão, comandará uma sequência não-oficial e não-autorizada do filme “Borat”, lançado em 2006. A ideia é manter o humor negro, mas melhorarando a imagem do país. O longa vai se chamar “My Brother, Borat”.

“Todo cazaque que vai ao Ocidente sente desconforto ao dizer de onde vem porque os ocidentais associam o país ao filme ‘Borat'”, disse Rakishev à BBC. No novo longa, um jornalista americano decide visitar o Cazaquistão depois de ver o filme de Sacha Baron Cohen e procura o vilarejo fictício de Kusek, onde o personagem teria nascido, mas acaba encontrando uma cidade moderna e desenvolvida.

Apesar disso, dizem, o filme está longe de politicamente correto. Lembra que o irmão de Borat, Bilo, tem um problema mental? No novo filme, ele o encontra em um hospital psiquiátrico ao lado de Osama Bin Laden e George W. Bush, na primeira cena do filme. Além disso, em um outro take, Bilo é estuprado por um jumento. Wow.

Isso vai dar merda, certeza.

Gabriel

Anúncios

2 Respostas

  1. De tão bizarro/nosense torna-se curioso, né? Se bem que eu torço meio que o nariz… Insistir na piada (mesmo que por outra perspectiva lol) normalmente não tem graça.

  2. Dividia casa com um cazaque no Canadá. O cara não podia nem ouvir falar em Borat… Pelo que falaram aí, vai dar merda mesmo

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: